Rua Aporé, 19 - Bairro Amambai - CEP 79005-360 - Campo Grande-MS (67) 3325-6640
05.10.2018 • Fenafisco

E-Ranking Cidadão avalia desempenho parlamentar

revista_e_ranking_cidadao_1

 

Campo Grande (MS) – O Laboratório de Estudos Político-sociais (Labep) traz um panorama global da atuação parlamentar de deputados e senadores no Congresso Nacional acerca de matérias priorizadas pelo governo federal. 

A publicação disponibiliza à sociedade o desempenho legislativo referente aos mandatos da ex-presidente Dilma Rousseff (PT) e, de seu sucessor, Michel Temer (MDB), no que versa sobre: as modificações na concessão dos benefícios Seguro-desemprego, Pensão por Morte e Auxílio-doença, Teto dos Gastos Públicos; Reforma Trabalhista; Terceirização e exploração do Pré-Sal. 

Após ampla análise, o instituto de pesquisas oportuniza mecanismos para que o cidadão possa avaliar, de forma clara e o objetiva, o exercício de seus representantes dentro das Casas de Leis. 

O levantamento atribuiu valor positivo àqueles que trabalharam em consonância com os anseios da sociedade, no enfrentamento às desigualdades estruturais para promover o desenvolvimento e valor negativo à performance parlamentar que rendeu prejuízos à população. 

O que se pretende, a partir disso, além de apresentar informações sobre as ações políticas e o exercício do Poder Legislativo, no momento que antecede as eleições de 2018 é fortalecer a democracia, incentivando a efetiva participação política cidadã, legitimada por meio do voto consciente, para que a sociedade brasileira possa escolher cada vez melhor seus representantes. 

Análise

No Brasil, o parlamentar melhor avaliado foi o senador Paulo Paim, do PT/RS, apresentando na maioria das vezes posicionamentos alinhados com o desejo da população, mesmo quando o seu partido esteve à frente do Planalto. Também integram os cinco melhores posicionados o deputado Patrus Ananias, do PT/MG (2º lugar), a senadora Vanessa Grazziotin, do PCdo B/AM (3º lugar), a senadora Gleisi Hoffmann, do PT/PR (4º lugar) e o senador Lindbergh Faria, do PT/RJ (5º lugar). 

Entre os classificados com a pior atuação destacam-se os presidentes da casas do Congresso Nacional, o deputado Rodrigo Maia, MDB/RJ e senador Eunício Oliveira, MDB/CE, o senador Jorge Viana, do PT/AC, o deputado Darcísio Perondi, do MDB/RS. O senador Romero Jucá, MDB-RR ocupa a última posição. 

O desempenho geral dos parlamentares do estado pode ser consultado na plataforma virtual do E-Ranking Cidadão.